Noticias
Prefeitura de Curitiba atende famílias atingidas pelas chuvas por toda a cidade

Prefeitura de Curitiba atende famílias atingidas pelas chuvas por toda a cidade

A Prefeitura de Curitiba mobilizou uma força-tarefa de servidores para o atendimento das ocorrências das chuvas intensas que se abateram sobre a capital neste fim de semana.


Foram realizados resgates de moradores no bairro Caximba e ações de apoio em outros bairros da capital por uma força-tarefa formada por agentes treinados, utilizando equipamentos de suporte da Defesa Civil, Guarda Municipal, Setran,FAS (Fundação de Ação Social), e administrações regionais da cidade.


  • Curitiba supera efeitos das chuvas com grandes obras e programas ambientais da Prefeitura
  • Prefeitura de Curitiba e BNDES assinam contrato de modelagem do novo modelo de concessão do transporte coletivo
  • Na Linha Verde, Greca vistoria concretagem da Estação Solar e pavimentação de trincheira em Curitiba

  • Além do assistência aos moradores atingidos pelas chuvas, a FAS também intensificou a abordagem às pessoas em situação de rua para encaminhamento para o atendimentos institucionais.


    Outubro mais chuvoso em 26 anos

    Nas últimas 24 horas, Curitiba recebeu precipitação acumulada de 119,4 mm de chuva registrada na Estação Meteorológica da Defesa Civil. A Estação Pluviométrica do Tatuquara recebeu o maior volume de chuvas: 64 mm das 22h de sábado (28/10) às 7h de domingo (29/10).


    Desde 1 de outubro já choveu na cidade 559,8 mm, número que surpreende porque a média de chuvas em Curitiba para este mês é de 144 mm, segundo o Simepar. De acordo com o instituto, a capital está tendo mês de outubro com maior volume de chuvas em 26 anos.


    Socorro às famílias do Caximba

    Na Regional Tatuquara, a mobilização começou cedo e envolveu o uso de barco, além da distribuição de lonas e colchões.


    “Desde cedo, estamos com todo o nosso pessoal envolvido no atendimento das famílias atingidas no bairro Caximba. Usamos o barco para socorrer as pessoas e tivemos apoio do Corpo Bombeiros e toda a rede de assistência”, explicou o administrador Regional Tatuquara, Marcelo Ferraz, ressaltando que o trabalho continua.


    38 famílias socorridas

    Até 19h de domingo (29/10), foram retiradas do bairro Caximba 38 famílias (cerca de 150 pessoas) - 32 delas de barco. Todas ficaram desalojadas e foram para casas de parentes e amigos.


    De acordo com informações das equipes, uma gestante precisou de atendimento e foi encaminhada para o Hospital Trabalhador. Além do resgate, as equipes da Prefeitura distribuíram colchões e lonas para os necessitados.


    Na Caximba, a FAS cadastrou todas os atingidos, atendeu 33 famílias e entregou 21 colchões e 13 cobertores.


    Atendimento em outros bairros

    Os canais de emergência 156, 153 e 199 receberam vários solicitações e a Cosedi (Coordenadoria de Segurança de Edificações e Imóveis) fez vistorias em seis locais até o início da tarde: Butiatuvinha, Santo Inácio, Abranches, Pinheirinho, Novo Mundo e Santa Cândida.


    Foram atendidas também 12 solicitações para fornecimento de lona, 23 para alagamentos, sete para risco de desmoronamento, 48 para quedas galhos ou árvores.


    As equipes das administrações regionais monitoram também o nível dos rios Barigui, Formosa e Belém. O atendimento continua neste domingo e terá atualizações através de boletins dos órgãos envolvidos.

    Capacitações

    Em um evento adverso a possibilidade de alguém sofrer alguma queda, escorregar ou se machucar é muito grande. Para isso precisamos de pessoas capacitadas para atender àquele que necessitar de ajuda.


    Estabelecer os requisitos para a elaboração, manutenção e revisão de um plano de emergência contra incêndio, visa proteger a vida, o meio ambiente e o patrimônio.



    Telefones
    © 2009 - Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil - COMPDEC
    Av. Senador Souza Naves,312 - 6º andar - Alto da XV - CEP 80.045-060
    defesacivil@curitiba.pr.gov.br
    Curitiba - Paraná